Armas europeias são usadas pelo Estado Islâmico

autor Misto Brasília

Postado em 16/12/2017 09:51:19 - 09:45:00


Pelo menos 30% das armas do EI são de origem europeia/Arquivo

Levantamento de uma ONG afirma que mais de 30% das armas empregadas pelos extremistas

Uma parcela significativa das armas e munição do arsenal do grupo terrorista Estado Islâmico foi fabricada na União Europeia, demonstra um estudo publicado nesta quinta-feira (14/12) pela organização de localização de armas Conflict Armament Research (CAR).

No documento de 200 páginas, a ONG afirma que mais de 30% das armas empregadas pelos extremistas nos campos de batalha na Síria e Iraque vieram originalmente de fábricas na Bulgária, Romênia, Hungria e Alemanha. Rússia e China, por sua vez, produziram mais da metade dos armamentos em posse dos jihadistas.

O estudo Armas do "Estado Islâmico" é o resultado de três anos de pesquisa de campo pela CAR no Iraque e na Síria. De 2014 a 2017, as equipes analisaram mais de 40 mil itens coletados em postos na frente avançada do EI, incluindo armas, munição e componentes empregados na fabricação de artefatos explosivos.


Tite cai na comemoração do gol de Philipe Coutinho e vira meme na internet
AO VIVO - II Congresso de Direito Eleitoral de Brasília
veja +
Bolsa Família atende 74.122 famílias do Distrito Federal em junho
Distrito Federal recebe R$ 28 milhões do salário-educação de maio
Aprovada reserva de vagas em universidades públicas para alunos bolsistas de escolas beneficentes
veja +